quinta-feira, 19 de março de 2009

[DÚVIDA] Como são os testes?

Várias vezes já me perguntaram se as provas são difíceis.
Realmente NÃO SÃO.
Os testes de Aprendiz Marinheiro são muito fáceis.

Prova Escrita:

Primeiro tem que ir bem na de matemática.
Nota acima da média já é possível entrar.
Para as outras questões, alcance no mínimo a média.

Então tente tirar a média geral da prova. Acima já é lucro.

Façam bem a redação, pode ser simples, porém bem escrita e sem razuras.
(Não é tão rigorosa quanto uma Redação de Vestibular, serve apenas para saber se você consegue ordenar algum raciocínio e domina algum vocabulário mais extenso) - Atualmente o teste de redação não está sendo executado.

Normalmente quem passa na de Matemática já está dentro e aprovado!

--
Teste Físico:

ATENÇÃO: Consulte um médico antes de começar. Se possível faça um exame cardíaco (não é exigido pelo edital porém isso pode evitar vários problemas de saúde caso você não saiba qual é a sua real condição).

Não se assustem! Poucos jovens apresentam problemas cardíacos aos 18 anos. Entretanto todos os anos sempre ocorrem incidentes em uma pequena parte de voluntários, dos quais, alguns são fatais.

Pela natureza do esforço, então, é aconselhável que façam algum exame.
Assim vocês descartam qualquer risco para a saúde.

Estando tudo Ok, comecem a treinar! (Se já não faziam antes).

Um Professor de Educação Física pode ajudar vocês bastante (procurem o do colégio onde vocês estudam/estudaram ou de uma academia de musculação).

--
Por experiência sugiro o seguinte:

- Flexões de braço sob o solo, conhecidas também como apoio (4 séries de 10 para começar até alcaçarem 4 séries de 20)

- Corrida comecem com 1.600m (1,6Km) intercalando voltas nas duas primeiras semanas.
Tentem chegar a 4.000m (4Km), então mantenham esta marca sempre buscando baixar o tempo.

Cada volta na pista tem 400m.
1,6Km = 4 voltas
4,0Km = 10 voltas

- Alguns alongamentos para lombar (compensar o esforço da coluna).

- Na Natação já treinem para fazer 50m em 1 minuto. Então pratiquem (ou aprendam a nadar) de preferência estilo Crawl (de frente com peito na água batendo os braços e pés).

Não há nada de difícil no teste físico.

Só não fique nervoso! Isso irá atrapalhar (muita gente não passa na primeira tentativa por causa do nervosismo apenas).

Estando com a saúde Ok, você aguenta tudo numa boa.

Era isso!
Boa Sorte.

[DÚVIDA] Viagem até a Escola

A Viagem:

Quem passou tem viagem paga para Escola. Você já é parte da MB então o transporte da tropa é por conta deles.

Quem sai de Porto Alegre por exemplo, a Marinha paga a passagem da Rodoviária e você vai com alguém da Capitania.

Quem sai do RJ e outros lugares com mais gente, a própria Marinha concentra num local os Onibus dela ou fretados.
Então ela manda todo o pessoal até a Escola.

Nos dois casos você só precisa comparecer no local da concentração.

Alimentação é por sua conta, mas praticamente não dá fome na viagem, é rápida.
Sugiro que levem um lanche de casa para não gastar muito (pão, iogurte, bolo e estas coisas que não estragam).
Na Escola você chega e rancha logo.

DICA - Os Ônibus de empresa particular da rodoviária tem a bordo café, chá, água etc. Isso ajuda a reduzir a fome. Eu fui de Santo Anjo Executivo (Porto Alegre -> Florianópolis).

A Marinha pagou o melhor transporte.

Ensino Médio (antigo Segundo Grau):

Para cursar a Cabo dependendo da QMS já é importante ter o Ensino Médio - antigo Segundo Grau. Hoje, ele é pela lei obrigatório para todos os cidadãos.
Também, se não concluir ele até o dia que for convidado a cursar a Sargento, não poderá fazer o curso para pegar a divisa.

Na Escola de Aprendizes o conteúdo das Aulas é de Segundo Grau (Física, Matemática, Português,Inglês etc) e mesmo que não tenha concluído ele, terá que aprender e fazer testes da mesma forma.

DICA - Dentro da EAM surge oportunidade para supletivos quando o pessoal não tem segundo grau.
É ministrado pela Escola, então saí de graça. Aproveitem a Oportunidade e saiam formados já no mesmo ano com dois diplomas (O de Ensino Médio e o da Escola).

Boa Sorte e Aproveitem!

[CONHEÇA] Gírias da Marinha

O Pessoal do Orkut me pediu para explicar as gírias da Marinha estes tempos e aqui estão elas. (Por serem muitas irei escrevendo por partes).

SAFO - Significa tranquilo, certo, ok ou que o camarada é bom.

[Ex: O Cabo é SAFO em informática.]
[Ex: Tá SAFO Sargento, vamos explodir tudo e cair fora daqui.]
=
SAFAR - Quando alguém te salva.

[Ex: Vou te SAFAR uma grana aí para não ficar na ONÇA quando sair de licensa.]
=
CAMPANHA - Colega ou parceiro (Não se diz isso na Marinha, pois soa meio "afeminado").

[Ex: Tem um CAMPANHA do 4° pelotão que está de aniversário.]
=
TÁ NA ONÇA - Tá numa ruin.

[Ex: O CAMPANHA ali TÁ NA ONÇA, perdeu a mãe e a namorada dele fico grávida]
[Ex: To na ONÇA Sargento, fiquei sem nenhum barbeador]
=
TÁ PEGANDO - Não tá muito legal não, tá ruin.

[Ex: Esse teu cabelo TÁ PEGANDO recruta. Vaí lá na barbearia cortar isso, mas PAGA umas 20 antes...]
=
PAGAR - Sempre entregar algo a alguém.

[Ex: Estão PAGANDO as roupas em 15 dias agora.]
[Ex: No rancho estão PAGANDO um pão doce e dois salgados.]
[Ex: PAGA 10 ai... (Flexões de braço)]
=
FAINA ou FAXINA - Algum trabalho ou limpeza.

[Ex: Tem uma FAXINA para você lá na garagem (Pode ser um serviço mecânico).
[Ex: Digita a resenha, depois que você terminar essa FAXINA está liberado para SAIR EM TERRA.]
[Ex: O 10° pelotão irá fazer a FAXINA dos lavatórios da 2° companhia.]
=
SAIR EM TERRA, LICENSA - Folga do militar.

[Ex: To de LICENSA depois das 18:00 horas]
[Ex: O Sargento já DESCEU (SAIU) EM TERRA e só volta mais tarde.]

terça-feira, 17 de março de 2009

[DÚVIDA] Depois de formado:

Muitos me perguntam como é depois de se formar na EAM (Escola de Aprendizes Marinheiros).
Vou explicar como é após a formatura:

- Depois de 1 (um) ano você se formará.
Daí poderá optar por assinar contrato com a Marinha do Brasil.

- Ao assinar serão de 3 (três) anos o inicial e os posteriores renováveis de 2 (dois) anos em 2 (dois) anos.

- Você só poderá sair da Marinha quando:
  • Militar: tem que ter no mínimo um ano de serviços prestados e fazer um concurso militar da Marinha ou outras forças (Exército, Aeronáutica, Polícia Militar), com comportamento BOM e solicitar ao Comandante autorização (pode ser negada). Sendo que concursos da Marinha são mais fáceis de conseguir permissão (com 1 (um) ano de serviço muitas vezes).
  • Militar: Outros concursos (Petrobras, Caixa, Polícia) só quando tive no mínimo 2 (dois) anos de Marinha (concursos não tão fortes é necessário esperar terminar o contrato). Tudo mediante aprovação do seu comandante.
  • O Contrato terminar e o militar não ser convidado a renovar sem estar estabilizado (10 anos de Marinha).
  • Não cursar a Cabo em até 8 anos.
  • Para dar baixa voluntariamente terá que esperar o contrato terminar e não renova-lo.
O casos em laranja eu não recomendo. Se for para trocar sugiro que façam faculdade e depois CIAW (CENTRO DE INSTRUÇÃO ALMIRANTE WANDENKOLK).
Vale muito a pena.

--
Como Marinheiro de carreira (MN-QS) você pode ficar até 8 (oito) anos renovando os contratos.

Para estabilizar você terá que ter 10 (dez) anos de Marinha.

Irá funcionar da seguinte maneira:
- Por volta de 3 (três) anos de carreira você irá ser convidado a cursar a cabo.

- Então ficará 1 (um) ano na escola de Cabos.

- Daí mais uns 2 (dois) anos no mínimo até ser convidado a fazer concurso para Sargento.
Já forma 6 (seis) anos.

- Você terá, aos ser convidado a concursar a Sargento, uns 3 (três) anos para se preparar e pedir para fazer o teste.

- Cursa no mínimo mais 1 (um) ano como Sargento.

- E neste tempo você já completou o seus 10 (dez) anos de Marinha e estará estabilizado.

Na minha turma todos que ficaram foram convidados a cursar a cabo direto.
Acredito que muitos, mais que a média atual, irão a Sargento.

E os outros todos poderão até estabilizar como Cabos.
E minha conclusão parece estar certa, pois andei lendo que tem algo que permite isso atualmente.

A Marinha está com um déficit no quadro de Praças, precisando muito de voluntários.
Existem muitas oportunidades lá, então não há motivos para mandar pessoal embora (a não ser nos casos previstos, como por exemplo, a bem da disciplina).

Podemos analisar que atualmente há mais návios que tripulação.

--
Como Praças de Carreira da Marinha do Brasil, está previsto que podem galgar degraus até Suboficial.

Podem ficar tranquilos, pois é um concurso de Carreira e não temporário. Basta apenas não relaxar e abraçar todas as oportunidades (são muitas!!).

É possível chegar até oficialato também (partindo de Marinheiro), mas é algo bem complicado, porém não é impossível. Entretanto o caminho mais rápido ainda é fazer uma faculdade e ingressar no CIAW (CENTRO DE INSTRUÇÃO ALMIRANTE WANDENKOLK).

Bom era isso.
Sem stress. É só irem subindo um degrau por vez e chegarão lá!

[DÚVIDA] Viagens e dias de Mar:

Muitos me perguntam como é feito pagamento para DIAS DE MAR e MISSÕES DE PAZ.

Aqui está a explicação:

O
NU e $$$

A ONU paga missões de Paz.

Daí vai depender de como você será enquadrado e empregado na missão.
Pelo que sei, nem sempre levar tropas é considerado membro da missão.

--
$$$

A determinada distância da costa você conta DIAS DE MAR.
A cada Dia de Mar você recebe um adicional.
Era pago em Dolar, não sei como está hoje, mas acredito que ainda é o mesmo.

Vale a pena ficar embarcado se você quer ganhar mais.

Fora isso tem áreas Alfa.
Lá você ganha um adicional de 10%.
Seriam área insalubres, como Rio Grande (muito frio e úmido).

Também, quem executa atividade em Submarinos e Aeronaves ganha um adicional.