quarta-feira, 23 de outubro de 2013

[CARREIRA] Curso de BA (Barbeiro)

Aconteceu hoje, de surgirem algumas dúvidas sobre o curso de barbeiro da Marinha na EAM.

Pois bem, o que é curso de Barbeiro? Basicamente é um curso que lhe prepara para cortar cabelos e afins.

Muitos dizem que é um curso bom, que está concorrido e que os melhores marinheiros estão sendo cotados.
Mas por que? Bom, o curso de Barbeiro é um curso que tem uma rotina mais flexível na Marinha. Também, o Barbeiro pode ganhar um adicional por corte feito "por fora", o que é lícito na Marinha do Brasil e feito em consideração a função.

Quanto ao respeito sobre a função de barbeiro, a história conta que dar o pescoço para um estranho é algo muito perigoso. Historicamente, ser barbeiro de autoridades, era algo que requisitava extrema confiança de um homem. Em nossa sociedade isso foi visto vários vezes em toda caminhada da humanidade. Então, existe a retribuição ao humilde barbeiro, pelo depósito de confiança.

Porém, para os que querem se realizar intelectualmente, não é um curso recomendado (é nisso que digo que é uma função não muito intelectual). Existem cursos mais estudados na Marinha do Brasil.

No caso de BAs mais aplicados, eles para chegar a tal feito, fazem faculdade aqui fora e continuam exercendo a função. Então caso vocês queiram se aprofundar em estudos sendo um BA, façam faculdade.

No mais, a concorrência e número de vagas é algo relativo todos os anos. Além disso, muitos optam pelo curso de barbeiro apenas pelo adicional e carga horário mais frouxa durante a carreira. Muitos acham que isso é o melhor... Outros não, como eu na minha opinião particular.

Sempre deixei claro a todos que nunca cursaria Barbeiro, Cozinheiro e Arrumador (muitos querem ser arrumador também, é algo muito comum entre os Marinheiros, pois lida com diretamente com autoridades e conseguem algumas regalias).

Já eu, sempre tive atração por cursos técnicos, pois é um espírito de auto realização. E podemos considerar Barbeiro, Cozinheiro e Arrumador como um curso profissionalizante, e não tão técnico.

Também, um curso técnico da Marinha aqui fora em caso de baixa, pode ser aproveitado com mais facilidade que um curso de barbeiro (esse é um ponto negativo de cursos que não tem aproveitamento na vida civil).

Temos que levar em consideração, que nem todos os anos a estabilidade alcança o Militar. Podendo ele as vezes ser dispensado do serviço.

Esta é a opinião do editor DEAM.
Deixo ela aqui em especial para um amigo que é BA da Marinha e que ficou um pouco chocado com uma afirmação minha, que foi feita de maneira rápida e nada aprofundada, em uma rede social.

Abraços a todos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.